A pesca nos Açores

A Pesca nos Açores é praticada na sua essência através de práticas mais artesanais, que respeitam a sustentabilidade das espécies e que se baseiam em técnicas que se mantiveram semelhantes ao longo dos séculos. O binómio pescador/peixe é assim um elemento central e que define a própria identidade das Ilhas e das comunidades piscatórias dos Açores.

Ao mesmo tempo, é uma preocupação do Governo dos Açores assegurar um ambiente regulatório que contribua para a sustentabilidade da natureza única do Mar dos Açores, como a proibição de qualquer embarcação pescar a menos de três milhas da costa, a proibição de redes de arrasto e de emalhar de profundidade e ainda a proibição de redes derivantes e de cerco.

Os Açores estão igualmente a implementar uma rede de áreas marinhas protegidas que compreendem a diversidade de ecossistemas e habitats do Mar dos Açores. Assim, em relação às espécies residentes, a pesca nos Açores é sustentável do ponto de vista ecológico e biológico.

Certificados

Friend of the Sea

selo_0001_camada-1

A certificação Friend of the Sea atesta a sustentabilidade das pescarias nos Açores, assegurando que o pescado é capturado de forma responsável, em zonas onde não existe sobrexploração de stocks, e com mínimo impacto para o meio ambiente.

Foi atribuído em 2001 à pescaria de atum com arte de salto-e-vara. Em 2006, o mesmo rótulo foi atribuído à pescaria demersal e de profundidade dos Açores. Dado o seu carácter multiespecífico, foi feita uma avaliação espécie a espécie, sendo que as oito espécies aprovadas perfazem cerca de 85% do volume total de pescado capturado por artes de linha e anzol nos Açores. Para consultar todas as normas a que o Selo Friend of the Sea obriga, e que são observadas nos Açores, clique aqui.

Dolphin Safe

selo_0000_dolphin_safe

Todas as espécies de atum capturadas no arquipélago dos Açores têm o rótulo “Dolphin Safe”, atribuído pelo Earth Island Institute, assegurando que nesta pescaria não são capturados nem molestados golfinhos. A monitorização desta pescaria, essencial para a atribuição do rótulo, é realizada desde 1998 pelo Programa de Observação para as Pescas dos Açores – POPA.

Para saber mais sobre a certificação Dolphin Safe, clique aqui.